Planejando o marketing digital para pequenas e médias empresas

por set 28, 2020

Já abordamos em outro artigo como as grandes empresas cuidam de suas ações e campanhas de marketing digital, e reforçamos que esse tipo de estratégia tem uma importância grande dentro da corporação. E no caso dos pequenos e médios empreendimentos, será que o tratamento é o mesmo? Como essas empresas, que no geral estão começando a ganhar mercado, devem encarar o ambiente digital na divulgação de sua marca, produtos e serviços?

Infelizmente, não existe mais a opção de não estar na internet e não investir nesse canal. Trata-se de uma imposição de mercado, e quem não entra nesse barco digital fatalmente acaba sendo ultrapassado e condenado a perder cada vez mais público e diminuir sua participação no mercado.

O jeito é arregaçar as mangas e mergulhar de vez na era digital – mesmo com a quantidade limitada de recursos financeiros e humanos. Vamos?

Oficialize sua presença

Sua empresa já tem um site? Ótimo! Mas, se você ainda usa hospedagens e domínios gratuitos, a primeira coisa que você deve fazer é providenciar um domínio “oficial” – algo como suaempresa.com.br, ou algo similar. Trata-se de uma questão de credibilidade, uma vez que o usuário tende a associar domínios estranhos com baixo grau de seriedade e compromisso.

Além disso, marque território também nas redes sociais, criando perfis e páginas da sua empresa. Aproveite e comece a publicar conteúdo relevante para o seu público, contribuindo para a conversão e fidelização.

Mostre-se para o mundo

Muitos microempreendedores imaginam que basta ter um site e/ou perfil nas redes sociais para ser achado e contatado. Esse é um erro bem comum, que faz com que muitas pequenas e médias empresas desistam de atuar no meio digital, uma vez que nada acontece.

Na verdade, é papel da empresa se posicionar de forma ativa nesse sentido, se fazendo mostrar e aparecer para o mundo digital. Como?

Ao cadastrar sua empresa no Google Maps e no Google My Business, ambas ferramentas da gigante norte americana Google, ela vai aparecer nos resultados de pesquisas por locais – no “mapa” mesmo, como um ícone – com todos os dados da empresa. É possível também que o usuário trace uma rota de onde ele se encontra até o seu estabelecimento, evitando rejeição pelo simples desconhecimento de como chegar lá.

Dê um “up” no tráfego e nas vendas

Agora que você se empolgou com toda essa história de marketing digital, que tal irmos direto ao ponto que mais interessa – ou seja, aumentar, de fato, as vendas? Uma ferramenta bastante útil e acessível para isso (além de amplamente utilizada pelas grandes empresas) é o Google AdWords.

Você já deve ter visto alguns links destacados nas páginas de resultado de buscas no Google, não? Aqueles links são de empresas que pagaram para estar ali, em um sistema que se baseia em palavras-chave buscadas pelos internautas, no qual você paga somente pelos cliques que receber.

Contrate uma agência!

Acredite: não há melhor investimento do que contratar uma agência especializada para cuidar do marketing digital de sua pequena ou média empresa, e a Indiga sabe muito bem como ajudá-lo, pois além de experiência no mercado, sabemos exatamente o que seu empreendimento precisa, afinal, nascemos digital!

 

Photo by William Iven on Unsplash

Descubra o que dá certo no Marketing Digital

Descubra o que dá certo no Marketing Digital

Compilamos mais de 8 anos de experiência da agência em nossos e-mails. Cadastre-se e veja o que realmente funciona!

You have Successfully Subscribed!

Share This

Curtiu?

Compartilhe nas mídias sociais.